Abri meu negócio, e agora?

Abri uma empresa. E agora?

É muito comum que empresários tenham uma insegurança quando vão abrir suas empresas e começar a funcionar. Pensando nisso, a Granito separou várias dicas para o seu negócio começar com o pé direito.   O Brasil está retomando a confiança dos investidores e as expectativas do mercado voltaram a crescer, isso pode ser uma oportunidade para a sua empresa começar bem. Agora que a sua empresa está aberta, você provavelmente já passou pelo processo da Junta Comercial, já tem um CNPJ, registro e inscrição, assim como os alvarás necessários para funcionamento.  

Qual o próximo passo para a minha empresa?

  Agora é hora de colocar em prática todo o planejamento que foi feito. Qual o nicho em que a empresa vai atuar? Quem são os clientes? Quais os objetivos da empresa? Quem são os  concorrentes?   Todas essas perguntas devem ter respostas claras para o empreendedor. É em cima delas que as estratégias devem ser traçadas.   É importante gostar e entender do seu negócio. Se você faz o que gosta, tem mais disposição, e consequentemente, melhores chances de ter sucesso. Esse é o primeiro passo.   O segundo passo é estudar alguns conceitos básicos que você terá que lidar com muita frequência, como por exemplo, marketing e finanças. Se for o caso, é interessante terceirizar esses segmentos para quem é qualificado e tem mais experiência.   Conquistar o cliente é um dos passos essenciais, afinal, sem eles a empresa não consegue prosperar. Entenda os hábitos dos seus consumidores, converse com eles, faça pesquisas para poder atingi-los da maneira mais assertiva. Você precisa saber qual linguagem usar e em quais canais trabalhar.   Faça contatos com empresas e pessoas importantes. As parcerias podem te ajudar durante todo o caminho, inclusive nos momentos difíceis.  

Finanças com controle e automatização

Abri minha empresa, e agora?   O controle do financeiro é visto muitas vezes como um “bicho de sete cabeças”, mas não tem que ser assim. É umas das partes de maior relevância dentro de qualquer empresa, até porque o objetivo do seu negócio é, também, ter lucro.   O registro é essencial. Ponha no papel tudo que entra e sai da sua empresa. Quando falamos tudo, é tudo! Se entrou ou saiu dinheiro, mercadoria, funcionários ou máquinas, se teve desperdício, se conseguiram reduzir gastos ou se já tem previsto uma entrada de dinheiro futura, tudo isso deve ser controlado.   Essa é a chave do controle financeiro. Com o registro, sua empresa consegue mensurar dados como faturamento, custo fixo, custo total, margem de lucro e endividamento. Estamos em 2019, e para que a sua empresa cresça cada dia mais, a utilização da tecnologia disponível é indispensável. Sistemas de gestão, até mesmo os gratuitos, podem ajudar muitos negócios a ter uma logística funcional e simplificada, e, ao mesmo tempo, ter maior controle do que acontece no seu negócio.   Esses softwares são capazes de integrar diferentes áreas dentro da empresa, e já registram os movimentos de caixa.   E tem como ficar ainda mais fácil.   A Granito trabalha com uma tecnologia com conexão nativa da maquininha de cartão ao sistema, dessa forma, o controle dos pagamentos é automatizado, evitando erros e diminuindo o trabalho humano.   Conheça mais sobre nossas soluções e segmentos, e deixe a Granito ajudar a sua empresa a ter o melhor funcionamento, desde as fases iniciais 🙂]]>